quarta-feira, 10 de agosto de 2011

A ESTÉTICA DO RISO NAS REDES SOCIAIS

Nada me aflige tanto quantos as línguas que não aprendi falar. Olhar textos e achá-los incompreensíveis como se estivessem escritos em grego. Principalmente quando estão escritos em grego!!!! Mas se os maiores filósofos eram gregos e, ainda assim se tornaram compreendidos pelo resto da humanidade, então deve haver uma solução para a estética do riso nas redes sociais.
Selecionei as risadas mais populares para dar sentido a elas (se é que isto é possível):

huashuashuashuashuas:
Eu não sei se o indivíduo que se expressa assim está rindo ou está engasgado com um chiclete na epiglote. Eu até me esforço pra entender que isso seja uma gargalhada, mas o texto caíra bem na literatura de suspense como, por exemplo, representando "o urro de uma criatura que assombra a casa mal-assombrada"

hahahahahahaha:
Taí uma risadinha honesta e debochada. Mas se ligar no 220V dá pra compará-la àquelas dos sacos de risadas que antigamente os programas de auditórios colocavam pra forçar o riso da platéia.

rá, rá, rá, rá, rá:
Versão metódica da risada acima. Também soa como irônica, mas ainda assim muito metódica. Eu até tenho dificuldade de digitar "erre acento agudo a vírgula espaço erre acento..." Cansativo...Parece que o cara tá rindo à prestação. E também ao mesmo tempo soa falso e escandaloso. Dependo do contexto, assemelha-se àquele psicodelismo de Baby Consuelo com aquele falso guru que inchava a testa e pregava o RÁ lá pelos idos dos anos 80.

(risos):
Assim mesmo, entre parênteses. Tenho duas sensações para quem escreve assim. A primeira é daquela pessoa que ri timidamente de boca fechada porque lhe falta um dente da frente. A outra é daquela pessoa que conta uma piada sem graça e só ele ri, também sem graça esperando que todos riam. Então imagine um cara sem um dente da frente contando aquela piada besta dos dois tomate e depois rindo sozinho com a mão na boca esperando a reação da platéia.

rs:
É o que eu chamo de rir por educação. Você tá batendo um papo on line com alguém que tá conversando ao mesmo tempo com outros cinco. Você conta uma coisa muito engraçada esperando uma reação de alegria do seu interlocutor que nem deu tanta importância ao que você escreveu ou nem mesmo leu porque já tava conversando com a sexta pessoa, mas pra não lhe deixar sem respostas manda esse rs de cinismo.

rs, rs, rs, rs:
Uma mistura do rá, rá, rá com o rs daí de cima. Se for de uma mulher, julgo-lhe tímida, mas se vier de uma cara....esse tá mais pra Fanta. De qualquer forma, homem ou mulher, essa risadinha infame soa parecida com aquela do Muttley. Não sabe quem é o Muttley? Não teve infância cara-pálida? Nem assiste o Cartoon Network de vez em quando? Muttley é o cachorro do Dick Vigarista que solta uma risadinha canina quando seu dono se dá mal. Ah, também não sabe quem é o Dick Vigarista. Ria pelo menos com rs pra dizer que você entendeu.

hihihihihi:
Essa é a típica risadinha histérica muito comum na vida real, mas muito rara nas redes sociais, porque nas redes as pessoas geralmente fingem aquilo que não são. Um histérico jamais vai rir assim na rede social. Se chegar a rir vai usar um outro tipo destes citados nesta lista. O certo é que todo mundo tem um histérico na sua rede de seguidores. Descobri-lo é como saber quem é o pato numa mesa de pôquer. Se depois de algumas rodadas de bate-papo você não souber quem é o histérico da sua rede social, o histérico com certeza, é você.

kkkkkkkkkkkkkk:
Essa parece o Pato Donald rindo, mas é minha favorita. É só sentar o dedão na letra k e só tirar quando já estiver se mijando de rir. Bom demais. Não tem vírgula, não tem acento e parece aquelas risadas que você dá no bar depois que já tomou umas duas ou tres com os amigos. 

:)
Este é inclassificável. Carinha de retardado deitado de lado. Usado comumente nos SMS, é símbolo maior da falsidade porque, convenhamos, quem realmente quer dizer pra alguém que está feliz, pega o telefone e liga: "Fiquei feliz porque você lembrou de mim blá, blá, blá..." Essa falsidade só encontra equivalência naqueles coraçõezinhos com as mãos que jogador de futebol mostra pra torcida depois do gol e cantor de brega sertanejo mostra pra platéia.


Um comentário:

Ricardo Chicuta. disse...

Faltou a minha aí pô. HEHEHEHE.
Risada de macho heheheeh.