segunda-feira, 5 de março de 2012

TOME UM FOIE GRAS GOELA ABAIXO

Acostumado a fazer foie gras enfiando ração goela abaixo em gansos indefesos, o francês Jérôme Valcke, pisou na menina dos olhos do governo e ainda mandou-lhe um chute na bunda. Virou uma nigrinhagem, pegando um gancho das palavras de Juca Kfouri: "A presidenta do Brasil Dilma Rousseff não fala com o presidente da CBF Ricardo Teixeira, que não  fala com o presidente da Fifa Joseph Blatter, cujo secretário-geral Jérôme Valcke não fala com o ministro do Esporte Aldo Rebelo." Ótimo, não? Enquanto isso uns fingem que trabalham, outros acreditam, uns desviam umas verbas, outros um pouco mais...E a bola vai rolando.

Deve ser muito difícil para um estrangeiro, membro da FIFA, uma entidade corrupta, entender como funciona o propinódromo brasileiro, já que até cerveja que nós vamos beber na Copa, a FIFA já escolheu. Deve doer lá no fundo do osso da grampola da cabeça deles tentando descobrir como é que eles vão levar o deles competindo com a concorrência desleal dos lalaus brasileiros jogando em casa. Sem contar que francês é que nem argentino: morre de inveja de brasileiro. Rixa antiga que vem desde aqueles tempo em que aquele anão do Napoleão botou D. João VI pra correr pras bandas de cá, depois com Senna e Prost, com Ronaldo e Zidane.

Mas eu tenho que dar o braço a torcer e concordar com o francês sobre a malemolência dos passos de tartaruga em que andam as obras relacionadas à Copa: estradas, aeroportos, infraestrutura, estádios, transporte, etc, etc, etc.  É como disse  o Mauro Betting em sua coluna num site: "a única coisa em dia no Brasil da Copa é o atraso." Aliás, desde que eu vi aquelas maquetes eu sabia que esse povo era bom mesmo era pra fazer maquete e botar a grana no bolso. O Lula fez uma propaganda tremenda das maquetes. Pra mim aquilo era só estádio pra futebol de botão feito de isopor e cartolina.

Até aqui em São Luís a moda da maquete já pegou. Eu chamo isso de engana-besta. Já fizeram até uma maquete pro pier lá da Ponta D'areia, o tal do Espigão que está a mais de uma década pra ser feito e agora apareceu a maquete noticiada com pompas num jornal no fim de semana. Ah, tá bom..

Mas acho é que negada fica mais puto é quando aparece um mequetrefe falando desaforo, isso e aquilo da gente. Imagina se o Secretário de Obras fosse o Dorival Caymmi. O certo é que ninguém pode falar mal de nós. Só nós. E tenho dito.

Aliás, Jérôme do Caralhê, tome um foie gras goela abaixo!!!

Um comentário:

Matheus Castelo Branco disse...

Ótimo post, prezado Jorge!